sábado, 15 de outubro de 2016

Niágara - bem-vinda toda a poluição. Respirar ar pesado é chique



Espírito do tempo


A 2ª Guerra Mundial havia acabado há quatro anos. A poluição e o ar pesado eram vistos como uma maravilhoso sinal de progresso. O Texto abaixo foi tirado da edição de junho de 1949 da Revista Seleções do Reader's Digest (página 75).  É sobre a cidade de Niagara Falls e as Cataratas do Niágara como chamariz da indústria e, por outro lado, como uma paisagem preferida dos casais em lua de mel.       

 
Distrito Industrial da cidade de Niagara (1900) Wikipedia

Sobre Niagara Falls City*


A quedas do Niagara – e as famosas cataratas que alimentadas por quatro dos grandes lagos, se despenham na fronteira entre os Estados Unidos e o Canadá – e são de há muito a estância de turismo favorita dos americanos recém-casados. No entanto, uma  boa porcentagem dos habitantes da cidade de Niagara Falls se sentem ofendidos quando ouvem chamar sua terra de “Capital da Lua de Mel”  ...  Mas é claro que não protestam contra os muitos  milhões de dólares que os jovens casais ali deixam anualmente.  Preferem, porém, chamar a atenção do público para as indústrias tão prósperas que as cataratas atraíram ao lugar, com a sua produção de energia elétrica barata, e querem que a cidade seja antes conhecida no mundo pelo título semi-oficial de cidade da energia. Os moradores de mentalidade industrial as aspiram com delícia a neblina saturada de emanações químicas, que paira sobre a cidade quando o ar está pesado. ...   


* Hoje City of Niagara Falls - a cidade do prefeito Paul Dyster. População 50 mil (2010). Esta postagem também foi publicada no Blog de Foz

Nenhum comentário: